MATÉRIAS RELACIONADAS




Secretaria da Saúde de FW faz novo alerta sobre dengue

Fotos: ASCOM Prefeitura

Fotos: ASCOM Prefeitura

PUBLICADO EM 05/02/2019

Na última semana foram confirmados dois casos de dengue na região Noroeste do Estado, em Panambi e Cândido Godói e, por isso, a Secretaria Municipal da Saúde de Frederico Westphalen faz um alerta quanto aos cuidados para evitar a proliferação do mosquito transmissor da doença, o aedes aegypti.

Até o momento não há nenhuma suspeita ou caso confirmado da doença em Frederico Westphalen, mas, mesmo assim, a Secretária Municipal da Saúde, Marta Chielle, faz um alerta para que os cuidados sejam intensificados devido à relativa proximidade desses dois município.

“Os Agentes de Combate a Endemias estão realizando um trabalho contínuo em todos os bairros do município para evitar que a proliferação do aedes aegypti aconteça. Devemos ter muita atenção quanto aos locais que podem ter água parada, pois devido ao clima intenso nas últimas semanas, aumenta ainda mais o risco de proliferação do mosquito” destacou Chielle.

Nesta semana, os Agentes de Combate a Endemias estiveram no Distrito Industrial realizando vistorias em possíveis focos para o mosquito nas residências da localidade. O governo estadual também emitiu um alerta sobre a proliferação do mosquito, que também é transmissor das doenças zika vírus e chikungunya. O técnico do Núcleo de Eventos Ambientais Adversos à Saúde também ressaltou o fator climático para a proliferação do mosquito transmissor da doença.

“A persistência de temperaturas elevadas e chuvas bem distribuídas em todo o Estado são condições climáticas favoráveis para o desenvolvimento do aedes aegypti”, frisou.

As Secretarias Municipais da Saúde e do Meio Ambiente ressaltam os cuidados que devem ser adotados para evitar a proliferação com o mosquito aedes aegypti:

-  Manter bem tampado tonéis e barris de água;

-  Lavar semanalmente com escova e sabão os tanques utilizados para armazenar água;

-  Manter a caixa-d’água bem fechada, além de também ser necessário colocar uma tela no ladrão da caixa-d’água;

-  Remover folhas, galhos e tudo que possa impedir a água de correr pelas calhas;

-  Não deixar água acumulada sobre a laje;

-  Encher os pratinhos de vasos de plantas com areia até a borda ou lavá-los pelo menos uma vez na semana;

-  Trocar a água dos vasos de plantas aquáticas e lavar com escova, água e sabão uma vez por semana;

-  Colocar lixo em sacos plásticos e manter a lixeira bem fechada;

-  Fechar bem os sacos de lixo e deixar fora do alcance de animais;

-  Manter garrafas com boca virada para baixo, evitando o acúmulo de água;

-  Manter pneus em locais cobertos, para evitar o acúmulo de água dentro deles;

-  Fazer sempre a manutenção de piscinas ou fontes utilizando os produtos químicos apropriados;

-  Colocar uma tela fina em ralos, para evitar o acesso do mosquito;

-  Colocar areia dentro de todos os cacos de vidro que possam acumular água;

-  Não deixar água acumulada em folhas secas e tampas de garrafas;

-  Os vasos sanitários fora de uso ou de uso eventual, devem ser tampados e verificados semanalmente;

-  Limpar sempre a bandeja do ar-condicionado para evitar o acúmulo de água;

-  Lonas usadas para cobrir objetos ou entulhos devem ser bem esticadas para evitar poças-d’água.



GALERIA